terça-feira, 27 de setembro de 2011

A confusão entre Brahma, Heineken, Rock In Rio e Chilli Peppers



Andam dizendo por aí que o Rock In Rio só está sendo legal pela tevê. In loco, está uma verdadeira desgraça! Arrastões, assaltos, filas, empurra-empurra, uma zona dos diabos! Como estou vendo pela tevê, não tenho nada contra o festival. Dia desses até vi a Christiane Torloni dando entrevista ao vivo mais pra lá do que pra cá. De fato, devem ser bem animadinhos, esses camarotes vips.

Mas o que eu queria dizer mesmo é sobre essa presepada que o vocalista do Pimentas Vermelhas, Quentes e Picantes, também conhecida como Red Hot Chilli Peppers, fez durante o seu show no último sábado. O cidadão tocou o tempo inteiro com uma camiseta da Brahma, sendo que o Rock no Rio é oficialmente patrocinado, e muito bem patrocinado, pela concorrente Heinekein. Imagino que o estrago nas pretensões da marca neerlandesa foram incalculáveis. As pessoas adoram essa banda, foi o que percebi no Twitter durante o show. E se a banda inteira bebe Brahma, todos ali tendem a beber a mesma coisa.

Pelo que apurei com as minhas fontes (sempre quis dizer isso), a Ambev andou patrocinado uma turnê da banda californiana pela América do Sul. No contrato, o vocalista Anthony Kiedis e sua trupe deveriam usar a camiseta vermelha. Obviamente, o Rio não fazia parte do pacote, pois era a Heineken quem mandava ali. A questão é que o caso foi parar no departamento jurídico da cervejaria, que vai exigir explicações e até um possível ressarcimento dos organizadores do evento.

Esses festivais de música são sempre muito importantes para marcas de cerveja, as pessoas gostam de pular e cantar com uma latinha na mão. Até quem assiste de casa gosta de ter uma cervejinha como acompanhamento. Não existe bobo nesse mercado extremamente competitivo, por isso acho que a camiseta não estava ali por engano, nem por mero acaso. Quando estamos falando em milhões de consumidores, não existe mero acaso. Se bobear, até as luzes vermelhas do palco não estavam lá por acaso.

0 comentários: