quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Meus Grandes Livros

(Eu não lembro se já falei disso aqui, de qualquer forma, lá vai.) No começo do ano eu criei um blog bem simpático, onde meu principal objetivo era não ter lá muito trabalho com ele - a falta de compromisso com as atualizações deveria reinar. Na verdade, esse ainda era o objetivo secundário, o principal era ter um lugar onde eu pudesse catalogar os livros que ia lendo. Sim, eu sei que isso é meio estranho, afinal de contas, qual seria o sentido em ficar arquivando livros num maldito blog?

Alheio a isso e sem ao menos sonhar que existisse uma rede social como o Skoob, mandei ver, criei o "Meus Grandes Livros" - o blog que, logo de cara ganhou o título de menos visitado do mundo. Se bem que, naquela época, deveriam existir outros milhões de blogs igualmente impopulares. Mas essa era a ideia, apenas catalogar, sem se preocupar com a audiência. Como eu disse, um blog simpático e nada mais.



Sete meses depois, surge na tela do meu Google Reader o primeiro seguidor - e não trata-se da minha mãe, já que ela não acessa esse prático serviço do Google. E o que poderia representar um motivo de comemoração para qualquer blog impopular que se preze, para mim o acontecimento simbolizou apenas uma coisa: o Meus Grandes Livros deixara de ser o menos visitado do mundo, e agora? Bem, agora o jeito é divulgar e tentar torná-lo o mais popular do mundo.

Tá bom. Esquece.

:: meusgrandeslivros.blogspot.com

1 comentários:

Kátia Pacheco disse...

Parabéns Luciano! Além de simpático um blog inteligente.