sexta-feira, 17 de março de 2006

Prêmio TVCA

Muito se fala do real tamanho do ego dos publicitáros, e com razão, posso garantir aos senhores que este nobre ser tem o ego maior que a grana não declarada do Duda Mendonça e Marcos Valério juntos. E para alimentar este mercado, nada melhor que... que... FESTA!!!!! E com premiação? MELHOR AINDA!

Sendo assim, quero falar um pouco do que eu penso sobre o Prêmio TVCA – próximo show de masturbação do ego dos meus caros colegas de profissão – se alguém não concordar comigo, fique a vontade para expor seus comentários.

Em Mato Grosso, o Prêmio TVCA é relizado pela emissora da Rede Matogrossense de Televisão, a Globo local, que premia os melhores da criação publicitária durante o ano. Em 2006 acontece a 10ª Edição desse Prêmio.

Alheio ao que eu disse anteriormente, este evento tem como objetivo a promoção do mercado publicitário local, estimulando o investimento em criação e produção de comerciais cada vez mais qualificados e originais. “Desculpe interronper o parágrafo, mas eu amo esse tipo de teoria”. Ao longo dos anos a premiação rendeu frutos, estabelecendo um novo patamar para os intervalos comerciais em Mato Grosso.

A premiação é dividida em duas categorias. A profissional, premiando peças da iniciativa privada e de órgãos públicos e a categoria acadêmica, onde estudantes de publicidade inscrevem suas peças baseadas em um tema definido pelo regulamento. E no gran finale, a coisa fica mais excitante ainda, onde é revelado o Grand Prix, escolhido entre seis sub-categorias da iniciativa privada.

Entendam que não critico os prêmios, acho até interessante tal reconhecimento, principalmente em nosso mercado tão longe do ideal. Mas sinceramente acho que não deveríamos dar tanta importância - a ponto de trabalhar o ano inteiro – para uma noite apenas de glórias. Entendo que a noite de gala do publicitário pode ser provada durante o dia, no momento que uma grande idéia vier acompanhada da certeza de que aquilo sim vende o produto do nosso cliente.

Fonte: www.rmtonline.com.br

7 comentários:

Junim.. disse...

Fala meu caro !
Show de bola o espaço aqui ja adicionei aqui no pc pra sempre ta visitando..
Mta coisa interessante hehe !
parabens por tudo ai !

Abraços pra ti o mestre dos magos huahauh

falowwwww

Cris disse...

Muito interessante seu texto (e bem redigido), um beijão, Cris.

Lau disse...

Muito muito muito legal mesmo teu espaço Luciano...adorei viu!!!

Premiações assim saum perfeitas para os nossos egos, mas que o fato d trabalhar apenas por elas eh um poco pequeno demais.

Estarei com certeza t visitando mais vezes viu...

bjaum pra ti =**

lauana disse...

ps: Tu escreve bem pá caramba...=]
bju!!!

Luciano Marino disse...

Obrigado Lauana, penso que nós fazemos parte de uma nova geração de publicitários. Para mudar esse conceito depende apenas da nossa vontade. Nosso mercado é fragilizado, e ainda por cima damos um valor muito grande ao estrelismo publicitário.
Acredito que tem muita gente boa entrando no mercado, com idéias que realmente podem dar um rumo ao nosso ramo. Que venham os prêmios, mas sempre como consequência de um trabalho bem feito.
Abs

Leandro Magalhães disse...

E porque não dizer da importância dos prêmios para os clientes?

Pois é, parece estranho, mas é a mais pura realidade. Muitos anunciantes adoram ver suas marcas ganhando prêmios de propaganda. É muito comum toparmos com empresários nas badaladas festas de premiação. O Supermercado Big-Lar é um ótimo exemplo. A diretoria se reúne com a agência e faz uma grande festa a cada prêmio vencido pela tão premiada Genius Publicidade. Um grande anunciante, uma grande agência, merecem sim grandes prêmios.

Por isso meu amigo Luciano, muitas vezes a agência participa dos prêmios (não é o caso do exemplo acima mencionado) porque seus clientes querem isso. “Nossa, a minha agencia de propaganda ganhou prêmio!” Mas é claro que se o coitado do anunciante não vender miséria nenhuma no final do mês, ele não vai ficar satisfeito apenas com aquele diploma na parede e com o troféu sobre a mesa.

Allan Galhardo disse...

Não conhecia.
Vi o link no site da Focus.

Parabéns Luciano, estarei sempre visitando.

Só uma errata, é a 9ª edição do Prêmio TVCA.

Abraço.