sexta-feira, 31 de março de 2006

Prêmio Central de Outdoor

Meus amigos, vou falar aqui de um evento que aconteceu há um certo tempo, mais precisamente em 2005, mas que chamou minha atenção. Eu explico mais pra frente.

A Central de Outdoor promove anualmente uma premiação com as melhores peças inscritas. Dividido em categorias, os trabalhos são analisados e selecionam-se os melhores em cada estado.
Na Categoria Estudantil, abordando o tema Ética e Moralidade. Mais que palavras obrigações, o aluno do Centro Universitário Barão de Mauá Mateus Rosa da Silveira, levou o Ouro com o trabalho "Ordem no Congresso".

Como premiação, os profissionais envolvidos na campanha vencedora do GP e o estudante, receberam uma viagem para Punta Del Leste – no Uruguai, incluindo passagem aérea e estadia de sete dias, além de troféu personalizado.

Mato Grosso foi representado pelo trabalho do então estudante da UNIC, Davi Leal, meu grande amigo que hoje está na Miami Ad School, em São Paulo, fazendo curso de redação publicitária. A peça foi uma das selecionadas pelos jurados e concorreu entre as melhores do Brasil.

Como eu prometi, explico porque esse evento chamou minha atenção. Primeiro porque foi abordado um tema lamentável – a total falta de ética e moralidade. E um ano depois, o tema continua impreterivelmente atual. Escândalos, propinas, mensalões não páram de vir à tona no Brasil.

O que quero dizer, é que a peça não deve ser apenas criativa e bem dirigida, ela deve afetar as pessoas a ponto de revoltá-las sobre o que estão fazendo com nosso país. Também não estou dizendo que isso não foi trabalhado pelo criativos, mas nós devemos ver a propaganda como uma arma contra a corrupção e falta de moralidade. Trabalhos assim devem ser divulgados, debatidos, e não apenas apreciados.

O segundo motivo é a atenção dos estudantes e profissionais daqui para inscreverem seus trabalhos no XV Prêmio Central de Outdoor 2006. E as faculdades de comunicação, peço que incentivem seus alunos a criar neste ambiente, temos muito a ganhar com tudo isso.

Clique aqui para ver todas as peças finalistas.

4 comentários:

Leandro Magalhães disse...

Grande Davi, esse é o cara! Abraços...

Leandro Magalhães disse...

Lu, olha que massa. Estamos colocando o site da Focus|FCS no ar, existe uma parte no site que é de links diversos que sugerimos aos nossos visitantes. E adivinha? Seu blog está na lista. Assim que a nossa Pág estiver no ar você vai ter que falar um pouquinho da Focus aqui ein! kkkkkkkk
Abraço.

Luciano Marino disse...

Opa! Que maravilha! Fico muito feliz com a idicação pelo site. Posso fazer isso sim, falar de toda a evolução da Focus em pouco tempo de fundação.
Na faculdade, quase todos com quem eu conversava, citava a Focus como um exemplo a ser seguido em Cuiabá. Desde a ética nas ações até a sua linha criativa muito bem definida. E isso, deveras deve ser divulgado.
Uma abraço!

Ana Paula Tomim disse...

" O tempo passa
O tempo voa
e os politicos do Brasil
continuam numa boa ...
É a politica brasileira ".
Começo fazendo esse comentário em cima de uma antiga campanha do banco Bamerindus , atual HSBC .
Usei essa versão para enfatizar que a cada ano a politica Brasileira se muda eh para pior, quero lembrar que não estou sendo pessimista , porém realista.
As eleições se aproxima, mais uma vez as pessoas vão ser contagiadas por peças publicitárias e novamente existirá a discussão de quem eh o melhor, o perfeito que irá conseguir mudar a realidade do Brasil.
O pior de tudo isso eh que o "perfeito" não existe, a escolha agora eh votar no menos ruim.
Honra , igualdade, educação, são apenas palavras que tornam-se esquecidas em alguns fatos como da deputada Angela Guadagnim, que sambou no plenário para comemorar a absolução do colega João Magno.
Não sei Luciano se as criações iriam conseguuir afetar os corruptos , realmente fico na dúvida, já que esses são extremamente frios , acredito que nem os mais competentes publicitários conseguem mexer com o emocional desses politicos , e se der bobeira os politicos acabam envolvendo os publicitários...
como dizem os cuiabanos :votêee